7 Segredos para envelhecer saudável e ter qualidade de vida.

idosos se dibverdindo.png

 

Vale a pena lembrar que é um desejo implícito das pessoas  em passar por esta fase da vida, agora é unanimidade que seja com qualidade de vida, certo?
 

Envelhecer significa que você se livrou de uma morte prematura. Portanto, encarar a velhice como algo positivo não é apenas uma questão de ponto de vista, mas também de saúde: as pessoas que recebem a velhice numa boa têm 40% a mais de chances de se recuperarem de alguma doença quando comparadas com aquelas que enxergam a velhice como um fardo.
 

Para que a qualidade de vida também esteja presente na vida dos mais velhos,  e ter o  envelhecimento com baixa suscetibilidade a doenças, boa capacidade funcional e ativo.  O caminho é que as pessoas encontrem o seu potencial para manter o seu  o bem-estar físico, social e mental em qualquer estágio da vida.
 

O idoso é visto pela maioria da população como alguém frágil e que requer muitos cuidados, porém a terceira idade tem ganhado cada vez mais independência. Hábitos saudáveis  que aumentam a disposição e isso independe da idade. 
 

Acompanhe abaixo 7 importantes dicas que, se colocadas em prática, farão uma diferença imensa na sua qualidade de vida:
 

1- Convívio social

Possuir uma vida social colabora tanto na saúde física, como na mental. Manter o hábito de se encontrar com amigos para conversar ou aproveitar momentos de lazer ajuda na preservação de várias habilidades.
 

Quando mantemos uma conversa agradável, liberamos os chamados hormônios de felicidade (endorfina, dopamina, serotonina e ocitocina), assim como quando realizamos atividade física ou meditamos,

  • Eleva a qualidade do sono;

  • Ativa o sistema imunológico;

  • Auxilia no combate ao estresse;

  • Reduz a ansiedade e as chances de depressão;

  • Relaxa o organismo;

  • Alivia dores;

  • Potencializa a memória; 

  • Diminui desenvolvimento de rugas. 

  • Diminui risco de doenças cardíacas.

 

2- Projetos de Vida.
 

O ser humano é um ser criativo capaz de refazer sua história, seus projetos de vida em qualquer idade. É importante o planejamento pré aposentadoria a elaboração de um projeto de aproveitamento pós aposentadoria.
 

E é essencial desenvolvermos nosso projeto pessoal de vida, algumas dicas para você se planejar:
 

  • Criar nossos interesses e manter o tempo ocupado de forma prazerosa

  • Manter o autocuidado é muito importante.

  • Buscar novas amizades e manter as antigas

  • Buscar atividade que nos ofereça movimento e espiritualidade

  • Planejar metas no papel que seja clara e objetivas, com prazos definidos e bem específicas e alcançáveis. Se você já tem um projeto de vida está no caminho certo. Se ainda não tem, aproveite este momento e refaça sua história.

 

 

3- Dançar

danca de salao.jpg

 

A dança tem um grande destaque para manter os idosos saudáveis. Além de ser um exercício físico divertido e animado, também pode ser praticado em várias intensidades e se adequar às necessidades e restrições dos idosos.
 

Dançar é algo altamente indicado para a melhora da socialização dos idosos com outras pessoas que enfrentam os mesmos problemas que eles e tentam melhorar a sua saúde por meio do ritmo e movimentos.
 

Entre os benefícios da dança estão: 

  • Fazer a pessoa relaxar;

  • Auxílio na depressão ou trauma (tão comum nessa fase da vida);

  • Ajuda na timidez;

  • Melhora autoestima;

  • Reduz dores;

  • Melhora do condicionamento físico;

  • Retarda o envelhecimento;

  • Melhora a coordenação motora, flexibilidade e agilidade, entre outros; 

 

4- Fazer alongamentos e exercícios físico.

Tay chi.png

 

Antes de tudo, precisamos reforçar que o exercício físico para manter os idosos ativos. Unido ao alongamento, não havendo contra-indicações, a prática se torna ainda mais saudável. 

Os músculos do corpo precisam ser constantemente alongados para impedir a rigidez que vem com a idade. É o alongamento que vai facilitar o idoso a se exercitar e evitar dores pelo corpo. 

O exercício físico é um complemento indispensável para a vida de um idoso,

  • Melhora a sua flexibilidade; 

  • Aumenta o nível de resistência dos músculos ao desgaste e à fadiga do cotidiano;

  • Melhora o equilíbrio.

 

 Hoje temos várias alternativas de exercícios físicos desde Pilates, Tay chi chuan e a Ioga, que se popularizou nos últimos anos. Os treinos de ioga combinam exercícios físicos de alongamento com a meditação, o que melhora o fluxo sanguíneo entre o cérebro e o coração e acalma o corpo e a mente.
 

5- Exercitar o cérebro

jogando baralho.png
 

Praticar alguns jogos, incluindo os de mesa, é uma atividade muito divertida e saudável. Dessa forma, é possível ocupar a mente do idoso de uma forma positiva e mantê-lo ativo. 

É uma forma também de fazer com que esse idoso interaja com outras pessoas e sinta-se bem. 

Uma das 5 atividades para manter um idoso ativo envolve diversas opções como os jogos a seguir: 

  • Quebra-cabeça: trabalha a coordenação motora do idoso e ajuda a manter a mente ativa, forçando-o a pensar;

  • Jogo de paciência: caso o idoso esteja sozinho, ele pode jogar sem companhia, e se preferir pode optar pela versão virtual. Os jogos de cartas são muito indicados por exigirem do cérebro; 

  • Palavras-cruzadas: fazer palavras-cruzadas é um ótimo passatempo. Essa prática ajuda na manutenção da memória e no raciocínio lógico;

  • Videogame: para os idosos que adoram uma tecnologia, o videogame é uma ótima opção, os jogos melhoram o raciocínio e memória do idoso;

  • Leitura também e uma atividade que exige atenção do leitor, favorecendo a concentração e pode ser muito prazerosa.

É essencial frisar, que o idoso deve fazer aquilo que ele mais se identifica para ser algo prazeroso e não rotina.
 

6-Alimentação Equilibrada

alimentação balanceada.jpg

Procurar manter uma alimentação equilibrada livre de gorduras e pouco sal.
 

Comer alimentos ricos em vitamina D, pois auxiliam na manutenção de uma maior agilidade mental. Essa vitamina pode ser encontrada em vários alimentos, tais como: sardinha, cogumelo, ovos, salmão, leite e outros.

 

Outro ingrediente que pode ser adicionado na dieta é a proteína, que ajuda no combate a fraturas. Ela está presente no frango e no queijo, assim como também em legumes e sementes.
 

Acrescentar fibras no cardápio. Sendo considerado como uma ótima opção para diabéticos, as fibras também garantem o funcionamento correto do intestino. Legumes, verduras e aveias são alguns dos alimentos nos quais elas estão presentes.
 

O zinco também se encontra entre as substâncias que beneficiam a vida dos idosos. Ele cria uma espécie de proteção contra infecções que venham a surgir. Pode ser encontrado em vários alimentos, como: grãos integrais, carnes, gérmen de trigo, dentre outros.
 

7 - Caminhada Acelerada.

caminhada acelerada (1).jpg

A caminhada também é um dos hábitos essenciais para manter os idosos saudáveis. Esse exercício físico, pode ser praticado na esteira e principalmente ao ar livre. Esse esporte pode ser praticado em todas as estações do ano em quase todos os lugares. 
 

  • Melhora a massa muscular, massa óssea e a estabilidade articular;

  •  Reduz peso;

  •  Melhora auto estima;

  • Ativa a circulação sanguínea melhora a qualidade de sono;

  • Além do que  é excelente para melhorar o equilíbrio e consequentemente ajuda a prevenir quedas.

 

Uma dica sempre útil é começar com caminhadas suaves e ir aumentando a velocidade de maneira gradual. 

Para que um idoso comece a praticar caminhada acelerada é recomendável buscar orientação profissional que poderá criar um plano sob medida para ele ou ela.

 

Envelhecer não significa uma situação de baixa qualidade de vida desde que a pessoa se cuide, aceite essa etapa da vida e preserve sua independência física e autonomia, podendo fazer suas escolhas? Começe hoje a preparar-se para entrar ou viver a terceira idade com qualidade de vida, ativo e feliz!

 

 



 


Venha conhecer a clínica dos pés e faça a sua avaliação

Avaliação Gratuita