O que preciso saber antes de trocar meu travesseiro?


Autor(a): Equipe de Vendas Clinica dos pés

Será que meu travesseiro pode interferir na minha saúde?

Design sem nome (4).png

 
Travesseiros têm sido usados na cama por milhares de anos.  Já em 9000 a.C., as pessoas dormiam nas primeiras almofadas de pedra. Mais tarde, eles mudaram para sacos de linhagem e bolsas de couro, cheios de material macio. Este é o precursor do travesseiro como o conhecemos. 


Segundo estudos dos diversos institutos sobre o sono ao redor do mundo, relatam que as pessoas tem à noite a necessidade de manter a cabeça erguida durante o sono. E mostram que um bom travesseiro faz a grande diferença na qualidade do seu sono, além de proporcionar que você descanse e acorde recarregado e pronto para recomeçar o seu dia, ele contribui para o alinhamento da coluna, podendo evitar problemas cervicais, dormência nos braços e as terríveis dores nas costas. 

Os travesseiros são necessários para manter a parte superior do corpo alinhadas durante o sono, além de aliviar pressão em determinados pontos da coluna também minimizando dores de desconfortos no pescoço com isto alivia os problemas e distúrbios do sono, maximizando a qualidade do sono restaurador a cada noite. 
 
É bom lembrar que passamos quase um 1/3 da nossa vida com a cabeça apoiada nele, então mais do que proporcionar um boa noite de sono. Dormir com conforto é também dormir com saúde, então!

 
Escolher o travesseiro certo para você, é fundamental. 
Agora, é importante dedicar algum tempo para descobrir o melhor travesseiro para você, escolher um travesseiro ideal não é uma tarefa fácil e simples, são muitos os aspectos que tem que ser observados e analisados tais como; a posição que você dorme, o seu biotipo, o material e  seu gosto pessoal, na maioria das vezes você vai precisar de ajuda de quem entende, agora procure uma loja especializada para garantir a melhor escolha. 
 
 
 Quando você deve trocar seu travesseiro? 
 
O travesseiro como todas as coisas se desgasta, em um processo lento e as pessoas não percebem esta mudança, com o passar do tempo suas propriedades diminuem e vão perdendo sua integridade estrutural causando muitas vezes o desalinhamento da coluna vertebral, provocando dores no pescoço e para algumas até as alergias. 
Levando em consideração os fatores que contribuem para os travesseiros sofrerem desgaste e a necessidade de troca, listamos alguns motivos: 
Que normalmente uma pessoa dorme de 6 a 8 horas diariamente; 
Que sua cabeça transpira; 
Que algumas pessoas babam e isso causam manchas; 
Que as células mortas da pele descamam, juntamente com as caspas, cabelos ou barba, assim como a maquiagem, tudo isto absorvido no travesseiro 
O travesseiro está muito sujo e não pode ser lavado, ou já foi muitas vezes lavados e não limpa mais, (Alguns travesseiros não podem ser lavados veja a etiqueta do mesmo se pode ou não ser lavado e como lavá-lo para não o danificar). 
Se de repente começou aparecer acne no seu rosto. 
Sua renite piora, quando você vai dormir. 
Como podemos observar o travesseiro como passar do tempo, acumula substâncias que ajudam na proliferação dos ácaros, fungos e bactérias. 
Segundo pesquisa, com 6 meses de uso um travesseiro contém mais de 300 mil ácaros e após 2 anos de uso, o seu peso pode aumentar até 25% que pode ser composto por microrganismos, peles mortas e dejetos, mesmo com uso de fronhas. 
Não há consenso da data especifica de troca, pois varia entre os materiais, fabricantes, a forma como é usado o travesseiro, com ou sem capa de proteção, se lavável ou não; mas existe uma regra geral de que você deve fazê-lo no máximo até 2 anos. 
Existem razões suficientes para você analisar se está na hora de trocar seu travesseiro. Agora se você não sabe quando foi a última vez que trocou o seu, talvez seja o maior motivo. 
 
Dicas para escolher um travesseiro correto: 
altura travesseiro.jpg

 
O propósito de um travesseiro é que sua cabeça fique 'neutra' enquanto dorme para que seu pescoço fique relaxado. Portanto, é importante saber em que posição você dorme mais frequentemente: de lado, costas ou bruços ou alternado. 


Considerando que o travesseiro correto deve se encaixar confortavelmente na curva do pescoço e manter a coluna alinhada então a altura vai influenciar diretamente na sua escolha.
 
Travesseiros muitos baixos ou muito altos podem causar dores no pescoço e nas costas, prejudicar a coluna, causar interrupções no sono e provocar aquela sensação de acordar com cansaço no dia seguinte. 


É melhor usar uma fronha maior que o travesseiro, para não interferir no formato do travesseiro mudando a sua forma. 
 
Pense nisto!  O mesmo tipo de travesseiro não serve para a família toda, pois cada um tem um biotipo e uma posição de dormir e as alturas vão interferir nesta escolha. A distância entre o colchão e a sua cabeça varia de pessoa para pessoa assim como a forma de dormir. Os homens preferem travesseiro mais firmes e as mulheres um travesseiro macio. 
 
Veja os tipos de travesseiros para o modo como você dorme? 
 
No mercado existem uma infinidade de modelos, tamanhos e materiais, para escolher o travesseiro certo você deve levar em consideração, os três princípios básicos na escolha são: o seu biotipo, a postura como você dorme e o seu gosto pessoal. 
O tipo e o número de travesseiros que você usa depende em parte de sua posição ao dormir 
 
O sono ágil: Você não tem preferência específica por uma posição especial de sono e muitas vezes muda de posição durante a noite. Isso vale para a maioria de nós. Você se beneficia de um travesseiro grosso médio, que dá à sua cabeça um bom apoio na maioria das posições de dormir, em princípio, todas os travesseiro médios são adequadas para isso, a menos que você tenha uma estatura muito pequena. Então você escolhe um travesseiro macio. 
Os que dormem de lateral: Escolha de um travesseiro mais grosso é adequado que suporta o pescoço e faz a ponte entre a orelha e o ombro. É sobre sua cabeça se alinhando com sua coluna. Normalmente, um travesseiro médio a firme é adequado. Os que dormem de lateral e são de estrutura óssea maiores precisam de uma almofada (extra) resistente. Pessoas com estatura média optam por um travesseiro médio. Um bom parâmetro para saber se a altura do travesseiro é a correta pode ser obtido ao medir a largura de um lado do ombro. 
Os que dormem de barriga para cima: Este dorme melhor com um travesseiro mais fino. Muito alto não é agradável para o seu pescoço.  Recomendamos que você escolha um macio ou, se você for um pouco maior, uma almofada modelável no tamanho médio. 
Os que dormem de bruços: Se você dorme de barriga para baixo, você pode dormir sem travesseiro ou escolher um travesseiro fino e macio com pouco volume.  
 
O que levar em consideração quantos aos materiais? 
 
Considerando que cada tipo de travesseiro oferece um benefício diferente, é importante prestar atenção na sua composição, a fim de identificá-lo como macio, médio ou firme. Essa escolha dependerá muito do seu gosto pessoal.  Espumas macias tendem a afundar um pouco mais a cabeça, enquanto que as firmes tendem a sustentar mais. Se for uma pessoa que sente muito calor ou transpira muito durante a noite, é aconselhável ainda verificar o seu conforto térmico, se são laváveis. Os alérgicos também devem prestar atenção à composição e a proteção antiácaro do produto. 
Outra coisa é o cheiro do travesseiro. Cada material tem seu próprio cheiro. Se você testar, você vai sentir o cheiro sozinho. Na prática, vai parecer que o cheiro do travesseiro desaparece rapidamente, mas se você imediatamente pensar: esse cheiro realmente não é para mim, então troque o travesseiro. 
Na hora de escolher, considere o que é mais confortável e, também, se você tem alergias, problemas ortopédicos, refluxo ou outros problemas de saúde que requeiram um material e um modelo específicos. 
 
Faça um teste antes de comprar. 
 
 Quer acerta na escolha? O ideal é que você teste o travesseiro antes de comprar. Portanto, caso seja possível, deite-se com o travesseiro que deseja, adotando a posição que você usa para dormir. Verifique se o material é confortável, se seu pescoço fica alinhado e se a altura está adequada para você. 
O mais importante a considerar é a sua saúde. Como tal, você é obrigado a garantir que tudo seja tratado de acordo com os mais altos padrões. Siga as orientações acima para garantir que seu travesseiro esteja em perfeitas condições e que ofereça os recursos necessários. 
Não existe um travesseiro ideal, mas você pode escolher o que mais se adapta a sua condição para melhorar a sua qualidade do seu sono. 


Conclusão 
 
Este texto foi elaborado pela equipe de vendas para ajudá-lo a escolher o seu próximo travesseiro, esperamos que estas informações o ajudem a fazer a melhor escolha. Mas não se esqueça, busque uma loja especializada. 
 

 
 


Fonte: University of Rochester Medical Center Duoflex, fibrasca, sleepfundation,verolinens, yumeko

Venha conhecer a clínica dos pés e faça a sua avaliação

Avaliação Gratuita